Concurso de Redação do Focco-PB já tem 1682 inscritos; mobilização nas escolas continua

O 2º Concurso de Redação promovido pelo Fórum Paraibano de Combate à Corrupção recebeu 1.682 inscrições, até a tarde desta terça-feira (23/10). Durante todo o dia, integrantes do Focco-PB visitaram sete escolas da rede estadual de ensino, mobilizando educadores e alunos para discutirem sobre as várias formas de corrupção e como o mal pode ser evitado e combatido. A atividade é destinada aos estudantes do 9º ano do ensino fundamental e dos três anos do ensino médio de escolas públicas de ensino, da Capital.

A mobilização nas escolas está sendo feita pelas secretarias de Educação do Estado e do Município de João Pessoa, parceiras do Focco-PB no concurso, que tem como patrocinadores o Centro de Cultura Zarinha e a construtora Alliance. As visitas de integrantes do Fórum começaram na segunda-feira, pelas escolas municipais. Nesta terça, foram visitadas as escolas estaduais Pedro Lins de Melo e Cidadã Integral Técnica Pastor João Pereira Gomes Filho, no bairro de Mangabeira, e Lyceu Paraibano e Cidadã Integral Técnica Professora Olivina Olívia Carneiro da Cunha, no Centro. As visitas também ocorreram no Colégio Militar da Paraíba, Daura Santiago Rangel e Papa Paulo VI. Nesta quarta-feira (24), serão visitadas as escolas Osvaldo Pessoa, Antônia Rangel de Farias e João Goulart.

As visitas foram realizadas pelos integrantes do Focco-PB, Leonardo Quintans, promotor de Justiça do Ministério Público da Paraíba, órgão coordenador do Focco, e Roseane Cunha, representante da Funasa no Fórum. Eles foram recebidos pelos diretores e professores das escolas, que se comprometeram a abordar o tema 'combate à corrupção' de forma transversal, com seus alunos.

O promotor de Justiça Leonardo Quintans ressaltou a receptividade por parte dos integrantes das escolas visitadas. “Estivemos nas maiores escolas de João Pessoa. Fomos recebidos por professos, alunos, líderes de turma, passando a mensagem do concurso de redação, estimulando-os não só a participar do concurso. A receptividade tem sido excelente tanto das direções das escolas como dos alunos. As inscrições estão em ritmo acelerado e o objetivo tem sido cumprido”.

Leonardo Quintans também destacou o trabalho de conscientização nessas visitas. “Estamos mostrando a importância de despertar o debate, a reflexão, o estudo, a pesquisa desse tema, de despertar a consciência cidadã nos alunos para o combate à corrupção e a participação decisiva deles, como futuro da sociedade, no controle social, como cidadão probo e participativo, ou seja, um cidadão que participe ativamente da fiscalização e controle da administração pública, que efetivamente exerça o controle social”, comentou o promotor.

“A visita foi excelente. A aproximação dos órgãos de controle com a comunidade escolar é de fundamental importância para construção de uma nova consciência crítica para sociedade melhor”, complementou a representante da Funasa, Roseane Cunha.


Inscrições, prova e premiação

O edital do concurso foi lançado na última quinta-feira (18/10) e as inscrições foram iniciadas no dia seguinte, sendo registradas nesses cinco dias 1.540 inscritos de escolas estaduais (o limite para estes é de 1.700 inscrições) e 142 inscritos de escolas municipais (limite é 300). O prazo termina quinta-feira (25) e a redação será aplicada, a partir das 8h na terça-feira (30/10), nas escolas participantes.

Os estudantes interessados devem ler as regras no edital e realizar as inscrições na plataforma digital disponível nos sites www.foccopb.gov.br e www.zarinhaead.com.br. Serão premiados os dois melhores trabalhos da categoria '9º ano do ensino fundamental' e os quatro melhores do 'ensino médio'. Os vencedores receberão smartphones e bolsas de estudo nos cursos presenciais e a distância de português. Os prêmios serão entregues durante audiência pública do “Foco em Movimento”, agendada para o dia 12 de dezembro.

 

O Focco

Denuncie

Contatos

 (83) 2107-6075
Sede: Rua Rodrigues de Aquino, s/n,
Centro, João Pessoa. CEP:58013-030.